Melhores investimentos para tempos de crise

De coaching financeiro a canais no YouTube, atualmente, o que não faltam ao brasileiro são informações sobre investimentos, finanças pessoais, orçamento familiar, quitação de dívidas, aumento de score e outras dicas financeiras.
Além disso, produtos emergentes como conta digital, cartão sem anuidade e transferência sem tarifas também se caracterizam como novas opções que impactam diretamente a vida do consumidor, e o faz pensar mais sobre como o seu dinheiro está sendo gasto, podendo-o levar a uma mudança de hábitos. 
Entre as mudanças mais procuradas e disseminadas em informações por todos esses canais é a prática do investimento. Mas, quais as melhores opções de investimentos em tempos de crise? Será que continuar investindo, mesmo em períodos de incerteza, é o mais correto a ser feito? A resposta é sim! Mas, é importante que o investidor saiba identificar quais são as finalidades para cada tipo de investimento.
Muitas pessoas acabaram deixando o dinheiro em aplicações que possuíam alto risco, mesmo sem poder e perderam um dinheiro que não poderiam. Quer saber mais sobre as modalidades e os tipos de investimentos mais conhecidos? Fica aqui eu eu te explico:

Reserva de emergência

Antes de pensar em qualquer modalidade de investimento é preciso começar a fazer uma reserva de emergência. Especialistas indicam que a reserva de emergência acumule um valor suficiente para cobrir suas despesas por um período de três a 12 meses. As aplicações feitas com o objetivo de reserva possuem uma característica muito importante em períodos de crise: alta liquidez, ou seja, a pessoa pode transformar aquele ativo em dinheiro com facilidade. Assim, em um momento de emergência, incerteza ou dificuldade, o resgate desta aplicação poderá ser feito no mesmo dia útil solicitado (D+0) ou em D+1, em que o valor estará disponível para uso um dia útil após o solicitado.
Existem diferentes investimentos para a reserva de emergência, considerados ótimas aplicações para tempos de crise, como Tesouro Selic e CDB’s com liquidez diária, por exemplo. 

Tesouro Direto

Os títulos públicos ou Tesouro Direto é a modalidade de investimento em que o cidadão empresta dinheiro para o Governo em troca de juros. Em um cenário hipotético em que o investidor só quer que seu dinheiro acompanhe a taxa básica de juros no Brasil, a taxa Selic, o Tesouro Selic é, sem dúvida, vantajoso.
Outra opção de título público é o Tesouro IPCA, que remunera o valor investido com uma taxa prefixada definida no momento da aplicação e outra pós-fixada, baseada na variação da inflação do período. Dessa forma, o poder de compra do dinheiro é protegido. E por último, mas não menos importante, o tesouro prefixado, em que o cliente já sabe qual será o valor que ele resgatará no final da aplicação.

Renda fixa – Títulos privados

Enquanto os títulos públicos emprestam dinheiro ao Governo, os títulos privados emprestam dinheiro às instituições financeiras. Entre as opções, há Certificados de Depósitos Bancários (CDBs), Letras de Crédito Imobiliário (LCIs) e Letras de Crédito do Agronegócio (LCAs). A grande vantagem é que estes são investimentos seguros, que contam com a proteção do Fundo Garantidor de Créditos (FGC), no limite de até R$ 250 mil por CPF, por instituição financeira, em caso de quebra da instituição financeira emissora do produto.
Além disso, temos opções como: LCIs e LCAs que são isentos de imposto de renda. Por ter rendimento mais previsível, a renda fixa pode ser uma opção para quem deseja fazer bons investimentos em tempo de crise. 

Renda variável – Mercado de ações

Além das opções de renda fixa, o mercado de ações também podem ser uma boa opção de investimentos em tempo de crise, mesmo com risco. Para isso, no entanto, é preciso entender ao máximo a situação financeira das empresas nas quais se deseja investir. Até porque, investir em ações é se tornar um acionista daquela companhia.
Diante de um cenário de crise, é possível perder muito dinheiro com a queda das ações. Todavia, também é possível encontrar ações de empresas saudáveis, com baixo nível de endividamento, que apresentam lucros frequentes, muito mais baratas.
Melhores investimentos para tempos de crise Melhores investimentos para tempos de crise

Notice: Undefined variable: mediaRating in /var/www/html/contaespecialista.com.br/app/views/blog-geral.php on line 261
estrelas - "Melhores investimentos para tempos de crise"