Qual a diferença entre empréstimo pessoal e empréstimo consignado?

A oferta de crédito se destaca como um dos principais produtos financeiros do Brasil. De acordo com uma pesquisa feita pelo Serasa Consumidor em parceria com a Revista VEJA, em 2018, 41 milhões de brasileiros se mostravam dispostos a realizar um empréstimo.

Em 2019, no entanto, foi o crescimento do empréstimo consignado que chamou atenção do país, ampliando sua adesão em 26% entre janeiro e outubro. Mas, qual a diferença entre estas modalidades? Conheça as principais características e a quem se destina cada tipo de empréstimo:

Empréstimo pessoal: conhecido e de fácil acesso

Amplamente conhecido no Brasil, o empréstimo pessoal é a modalidade de crédito mais oferecida em todo o país por quase todas as instituições financeiras. De maneira geral, não existe burocracia para que a solicitação do crédito pessoal seja concedida, uma vez que a grande maioria dos solicitantes já são clientes do banco em questão e já atendem aos pré requisitos, isto é, têm mais de 18 anos e possuem renda comprovada.

A solicitação parte do consumidor e seu pedido de crédito é analisado pela instituição. Uma vez aprovado, o valor pedido cai diretamente na conta do cliente. Antes, no entanto, são apresentados os termos da contratação, como número de parcelas e prazo para a quitação do empréstimo. Mensalmente, uma parcela é descontada desta conta, sendo preciso ter saldo suficiente para cobri-la.

Empréstimo consignado: menores taxas do mercado

O empréstimo consignado, por sua vez, também é muito conhecido no mercado financeiro, mas conta com características bastantes diferentes do empréstimo pessoal. Com os juros mais baixos do mercado, ele é especialmente destinado para aposentados, pensionistas do INSS e servidores públicos.

As taxas menores ocorrem por um motivo muito simples: como o valor das parcelas é descontado diretamente do benefício ou do contracheque do solicitante, o risco de inadimplência é menor. Dessa forma, o crédito consignado favorece, por exemplo, o pagamento das dívidas mais caras, sendo uma ótima opção para quem quer organizar a vida financeira. Além disso, como não consulta SPC ou Serasa, mesmo quem está com o CPF negativado pode solicitar.

Outro tipo de crédito consignado: o privado

Por fim, vale destacar que há empresas do setor privado que também passaram a oferecer o empréstimo consignado privado para seus funcionários em regime CLT. Assim, com os descontos realizados na própria conta de pagamento do salário, o risco de atraso ou inadimplência é menor, reduzindo os juros. A ideia é que este seja um caminho para realização de sonhos ou quitação de dívidas; mas depende exclusivamente da empresa em conceder este tipo de benefício a seus funcionários. 

Qual a diferença entre empréstimo pessoal e empréstimo consignado? Qual a diferença entre empréstimo pessoal e empréstimo consignado?

Notice: Undefined variable: mediaRating in /var/www/html/contaespecialista.com.br/app/views/blog-geral.php on line 261
estrelas - "Qual a diferença entre empréstimo pessoal e empréstimo consignado?"