Como declarar empréstimo no IR?

Devido a pandemia do novo coronavírus, o Ministério da Economia e a Receita Federal optaram por ampliar o prazo para a entrega da Declaração do Imposto de Renda 2020. A data padrão anual para que a declaração seja entregue é até o dia 30 de abril, mas, neste ano, será recebida até o dia 30 de junho. 
Embora seja uma ação frequente de mais de 30 milhões de brasileiros (2019), a Declaração do Imposto de Renda ainda provoca dúvidas. Entre as mais frequentes, por exemplo, está o empréstimo: é necessário declarar o empréstimo bancário no IR? Como fazer? Entenda as condições e como completar a declaração.
Todo empréstimo deve entrar no IR?
Depende! Qualquer empréstimo tomado, pago ou quitado durante o ano de 2019 precisa ser declarado no Imposto de Renda 2020, independentemente, se a modalidade escolhida foi empréstimo consignado, pessoal, com garantia ou para negativado.
Contudo, é importante destacar que apenas os empréstimos com valores a partir de R$5 mil devem entrar na declaração. Valores abaixo deste total, não precisam ser declarados, com exceção para os casos de alienação fiduciária, hipoteca e penhor.
Como declarar o valor do empréstimo no IR?
Antes de tudo, para fazer a Declaração do Imposto de Renda, faça o download do Programa do IRPF 2020 em seu computador ou baixe o aplicativo Meu Imposto de Renda, disponibilizados pela Receita Federal, em seu celular.
Conforme for realizando o preenchimento das abas e chegar em “Dívidas e Ônus Reais”, selecione o código 11 “Estabelecimento bancário comercial”. No campo de discriminação, informe o valor do empréstimo, o destino dos recursos, a forma de pagamento, o número de parcelas e o valor das mesmas. 
Por último, identifique o credor, ou seja, a instituição que concedeu o empréstimo pelo  nome e CNPJ. Se houver feito mais de um empréstimo em 2019, cada um deve ser citado em uma linha. 
Atenção: aquisição de bens com o empréstimo deve ser declarada
Um ponto muito importante, que exige atenção, é o objetivo do empréstimo. Em que o valor tomado foi empregado? O destino do dinheiro deve ser declarado, porque a declaração do IRPF considera todas as alterações patrimoniais ocorridas ano a ano. Dessa forma, se você usou o dinheiro do empréstimo para comprar um carro, por exemplo, este bem precisa ser declarado no campo indicado de bens adquiridos. Caso contrário, o Fisco encontrará irregularidades em sua declaração.
Como declarar empréstimo no IR? Como declarar empréstimo no IR?

Notice: Undefined variable: mediaRating in /var/www/html/contaespecialista.com.br/app/views/blog-geral.php on line 261
estrelas - "Como declarar empréstimo no IR?"